A felicidade está na próxima esquina?

Estamos sempre na correria. E no meio dela, perdemos nossa habilidade de controlar nossos pensamentos, mas podemos recuperar essa capacidade. Você se lembra de algum momento, quando conseguiu controlar totalmente seus pensamentos, mesmo que por um período curto de tempo? Conseguiu direcionar seu foco para qualquer coisa que quisesse pelo tempo que quisesse? Na verdade, essas são as perguntas que nos atraem antes de tudo, quando iniciamos a prática de Atenção Plena.

O estranho é que o problema de controlar os pensamentos é um problema geral e nós os normalizamos no nosso dia a dia!

Pensamentos se dividem e reproduzem constantemente. Nossos pensamentos, se dividem em: “coisas que aconteceram” e “coisas a serem feitas” nos eixos de passado e futuro, nos tiram da realidade verdadeira e da alegria do momento presente. A mente que é muito habilidosa em aceitar pensamentos negativos como realidade, prefere se focar no que está faltando ao invés das coisas positivas que temos. Consequentemente acabamos sonhando acordados durante o jantar, na cama ou no trabalho. Enquanto nossa mente procura pelo que gostamos o tempo todo, nós tendemos a procurar nas soluções de problemas passados em momentos felizes do futuro. Isso nos traz problemas como ansiedade, medo, estresse e insônia.

Nesse círculo vicioso, “ o momento presente” é só um passo para alcançar o futuro e a felicidade sempre vem um passo depois.

No entanto, a vida, de fato, acontece agora. A única realidade é esse momento. Não existe outro momento mais importante que não esse mesmo. Quando reservamos um tempo para nós mesmos através dos exercícios de atenção plena e meditação e por meio do foco em nossos pensamentos, sentimentos e sensações, ficamos conscientes de nós mesmos e nosso ambiente. Ainda que definir esse processo possa ser um pouco complicado, é através dele que nos tornamos pessoas que apreciam a beleza do momento e planejam o futuro de forma correta ao invés de nos debatermos em devaneios.

Quando você está no momento presente, o futuro praticamente para. Quando você começar a apreciar o momento, os arrependimentos do passado te deixam em paz, você para de sonhar com uma felicidade futura. A felicidade não está no futuro, está aqui e agora.

Isso quer dizer que não deveríamos sonhar ou pensar no passado ou no futuro?

Seres humanos progridem através do pensamento. Olhamos o passado, tiramos lições e planejamos o futuro adequadamente. Sem sonhar nunca conseguiríamos alcançar o que desejamos, nós desperdiçamos nossas vidas que continua passando normalmente, e ficamos esperado que o futuro nos traga felicidade e no final das contas acabamos nós mesmos nos colocando em agonia.

Como podemos apreciar o momento presente?

– Repare em você

Reserve um tempo para você mesmo através da meditação. Note suas sensações e pensamentos. Pergunte a si mesmo: estou feliz com as coisas que estou fazendo agora? Em quais momentos da minha vida eu estou realmente feliz e em quais momentos posso criar minha felicidade? Estou vivendo minha vida como um peso, de forma tensionada?

– Repare nos seus pensamentos

 

O primeiro passo é notar os próprios pensamentos. Quando você perceber que está perdido em pensamentos e sonhos, inspire profundamente. Foque na sua respiração por 1 minuto e traga sua mente de volta ao momento presente. Repare que o devaneio que você se encontra é na realidade uma nuvem de pensamentos. Tente perceber que a vida real flui durante o momento presente.

– Durante suas ações, esteja presente no momento, sem se perder em sonhos.

Enquanto está comendo, repare no gosto da comida. Enquanto está escutando alguém, lhe dê toda a sua atenção. Enquanto estiver caminhando, repare na beleza do momento. Enquanto estiver passando tempo com a família e amigos, saboreie o momento, repare nos detalhes. Quando estiver sozinho aprecie a alegria de estar consigo mesmo.

Não espere que a felicidade virá quando conseguir aquela promoção, quando começar a ganhar mais dinheiro, ou se mudar para uma casa melhor ou quando finalmente encontrar o amor da sua vida. A felicidade nem sempre está na próxima esquina, ela pode estar presente no centro da sua vida agora mesmo.

Deixe uma resposta